"Chaika Chaika", Hitsugi no Chaika

O esporte nos animes – Parte 1

Olá a todos ! há alguns meses atrás recebi um convite para compor a equipe do Kotatsu Shinbun, e fiquei muito feliz com isso.

Após algumas conversas com um dos idealizadores do citado site, acabamos concordando que para iniciar os trabalhos eu faria uma matéria sobre animes de esporte. Porém a mesma não saiu como esperado, meu tempo fez com que atrasasse esta
matéria, e por isso só agora venho postar na internet a primeira parte dela.

Desde muito tempo, curto animes com temática esportiva, e foram muitos os esportes que conheci devido às animações. Não é de hoje que a parceria anime e esportes existe. Na verdade, tudo começou nos mangás, e pouco mais de 4 anos depois das primeiras animações televisivas japonesas surgirem, veio “Mach Go Go Go” (o aclamado Speed Racer) em abril
de 1967, a primeira série de animação para televisão tendo um esporte como temática principal (no caso, o automobilismo). Desde então a parceria rendeu grandes sucessos. Decidi falar um pouco do que aconteceu e palpitar sobre o que está acontecendo e o que vai acontecer com esta parceria. Dividi o texto em 3 partes:

Na primeira falo dos animes de esporte em geral, contando um pouco sobre a
história deles;
A segunda contempla os animes de esportes do século 20;
Na terceira falo sobre as animações deste tipo que apareceram neste século
e algumas especulações sobre o futuro.

Então com vocês…

Parte 1: Play ball* – Esportes e animes: uma parceria de longa data e de muito sucesso

Em janeiro de 1963 surgiu a primeira série de animação televisiva puramente japonesa com uma história focada em um personagem principal: Tetsuwan Atom (Astro Boy), produzida pela Mushi Production e baseada na famosa obra de Osamu Tezuka. Mais de 4 anos depois apareceu a primeira série tendo um esporte como temática principal, e este foi “Mach Go Go Go” (Speed Racer, no Ocidente), que ficou conhecido mundialmente e deu um novo ânimo ao mercado de histórias de esporte.

Mesmo assim, somente no ano seguinte estreou “Kyoujin no Hoshi”, o primeiro anime de beisebol e uma das mais famosas histórias sobre este esporte, servindo então de base para diversos animes de beisebol. Inclusive, pode-se dizer que ele deixou sua marca não só como um dos pioneiros dos animes de esporte, mas como aquele que consolidou o gênero.

Esporte sempre foi um tema de sucesso em mangás e animes. Isso se deve ao fato de terem por si só, alguns dos elementos que mais fazem sucesso neste tipo de mídia, como a amizade entre companheiros de time, a força de vontade que o personagem principal tem para alcançar o seu sonho, o personagem que possui habilidades incomuns, mas que só as desenvolve com o tempo, e principalmente obstáculos difíceis de serem transpostos e que exigem mais de 100% do herói da trama, tornando cada disputa uma batalha emocionante e empolgante, seja o último tempo de uma partida de beisebol, ou um quarto de um jogo de basquete, ou a luta para fazer apenas um gol no time adversário.

Estes são os principais elementos dos shounens de sucesso, não é a toa que alguns dos mangás de maior sucesso das principais revistas especializadas sejam de esporte. Para exemplificar pode ser citada a série Hajime no Ippo, um mangá de boxe com mais de uma década e que é publicado até hoje, sendo um dos tops nas listas da Shounen Jump. Ele teve uma série de animação em 2002 e outra em 2009, que dificilmente estará fora da lista dos 10 maiores animes de esportes de qualquer um que o assistiu.

Outro exemplo é “H2″, que foi um dos grandes clássicos dos mangás de beisebol e que décadas depois de ter sido finalizado ainda é lembrado como um dos melhores quadrinhos de esporte já feitos, e também como um dos animes do gênero de maior popularidade no Japão. Existem vários outros animes com suas temáticas voltadas para o esporte, contudo mesmo que haja cem animações de uma mesma modalidade esportiva, todas serão diferentes, cada um com as suas próprias peculiaridades.

“H2″, apesar de ter o beisebol como a principal temática, se foca não só no esporte, mas também na relação entre o personagem principal e as pessoas com quem ele convive. Este não é só um anime de esporte de primeira, mas também é um drama que ganha de muitos romances dramáricos. E essa junção da temática esportiva com outros elementos, como comédia, drama e romance, acaba sempre diferenciando as séries esportivas, mesmo que tenham como pano de fundo o esporte.

Embora seja fato que algumas modalidades esportivas apareçam bem mais do que outras, não podemos deixar de falar da diversidade de esportes abordados em séries de animação. Dificilmente você pensará em um esporte que ainda não foi contemplado. Há animes de futebol, futebol americano, beisebol, softbol, patinação, atletismo, artes marciais, boxe, basquete, tênis, corrida de carros, ciclismo, além de jogos de azar, jogos de tabuleiro e outros jogos que tenham uma relação bem próxima aos esportes convencionais. E isso não é nem a ponta do iceberg, pois acredito que você não pensaria em um anime sobre ping pong, por exemplo. E que tal um anime sobre ioiô? Mas acredite que animes sobre tais esportes (ou jogos) existem sim.

Claro que muitos esportes não foram contemplados como temas principais de animes, mas estes provavelmente apareceram no episódio de alguma série, cujo mesmo não é temática. Em resumo, esporte e animação é uma parceria que rendeu, que vem rendendo e que renderá muitos bons frutos e muitos sucessos. Dificilmente não haverá um esporte que você goste e que não tenha um anime sobre ele. E se você é do tipo que não curte muito esportes, tente assistir alguns episódios ao menos de Major, de Prince of Tennis, de Hajime no Ippo, de Captain Tsubasa, de H2 ou de Slam Dunk e, se mesmo depois disso, você não se interessar por qualquer anime que seja dos esportes contemplados por estes citados títulos, tenho certeza que você deve ser um fantasma.

Continua na parte 2: Quantos Home Runs* vale uma Jump? – Animações esportivas de 1967 a 2000

* Play Ball – Fala que o Juiz diz no início de um jogo de beisebol, a tradução é mais ou menos: “Joguem a Bola!” Ou “Bola em Jogo!”
** Home Run – A grande jogada do beisebol, que acontece quando o jogador rebate a bola para fora do campo sem cometer falta, valendo uma corrida completa para o rebatedor.
***”Originalmente a primeira parte desta matéria de minha autoria no Kotatsu Shinbun”

Comentários em: "O esporte nos animes – Parte 1" (1)

  1. SilvaMatos disse:

    Olá, gostaria de te convidar para participar de uma rede de conteúdo, se tiver interesse me adiciona no msn ocasional80@yahoo.com.br ou me manda um email. Abraços Junior

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 404 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: