O ogro azul dos fãs de anime e mangá…


Enfim termino minhas análises sobre o ano de 2011…

Este é o último texto sobre as séries de anime que se iniciaram em 2011, o interessante de lançar este texto agora é que  a maioria dos animes que começaram no outono finalmente estão chegando ao fim neste mês de abril, tanto que ainda estou empolgado com uma das séries que terminou recentemente. A melhor série de card-game que vi em minha vida… Então sem mais delongas, afinal quero acabar com isso logo também, pois mês que vem já tem texto novo sobre 2012.

No outono o calor se vai, mas as flores também

Dizem que o Outono é a temporada de continuação da primavera, não porque saiam tantas continuações dos animes de primavera, mas porque sai muitas continuações e porque é a temporada com mais animes do segundo semestre do ano, porém em 2011 não aproveitei tanto as animações de outono como queria. Da mesma forma que no verão, houve apenas uma série que não aconselho nem a meu inimigo assisti-la e que pra minha irritação foi exibida em um bloco que gosto muito, o Noitanina. O nome da série é Un-Go, sobre a série, não interessa o enredo, o visual, ou o que seja, simplesmente prefiro não lembrar de nada da série, o que é uma pena pois a expectativa era alta, mas em 2011, foram tantas as decepções que mais uma menos uma nem importou tanto, mesmo assim ignorem esta série.

Sobre as séries ruins, infelizmente foram muitas, a começar pela mega infantil Cross Fight B-Daman, apesar de haver grupos que gostam, para uma pessoa com mais de 8 anos de idade eu não recomendo, provavelmente o joguinho de bonecos em que o jogo é inspirado é bem mais interessante que o anime. O que dizer sobre Hunter x Hunter, o remake,  para alguns está bom, mas pela opinião pessoal e intransigente, prefiro bem mais a primeira série, mas voltarei a assistir o anime se ele for mais longe do que os OVA’s da série foram. Maji de Watashi ni Koi Shinasai!! é uma série que parece interessante, tem uma animação bacana, mas é simples demais, é o mesmo produto que anos tentam nos vender, só que com personagens diferentes, um requentado de um anime mediano, então claramente ficou mais fraco do que o padrão, por isso achei ruim. Agora sobre  Kyoukaisen-jou no Horizon, tive dificuldades em definir se a série é mediana ou ruim, tem pontos fortes e bem interessantes, mas nada que estimule  tanto o espectador,  então o que me fez colocá-lo entre as séries ruins, foi apenas o fato de que a série demora muito pra engatar, cerca de 4 a 5 episódios, e num anime de 12 episódios é tempo de mais. Phi Brain: Kami no Puzzle, é uma tentativa de série cabeça, com visual shounezão, mal desenhada, razoavelmente animada, mas muito infantil… estou cheio de shounens infantis, uma coisa é vocês fazer um anime para uma faixa entre 10 e 16 anos, outra coisa é achar que essas mesmas pessoas tem a mentalidade de 6 a 8 anos… espero realmente que os puzzles da continuação façam jus ao tal intelecto superior do protagonista, pois até o momento é uma afronta aos grandes cientistas citados. Maken-ki! é, resumindo, o anime de mostrar calcinhas da temporada e nada mais, não tem um conteúdo agradável o bastante para ir além, o que é uma pena em um ano com algumas séries ecchis tão inteligentes como FreezingOretachi ni Tsubasa wa nai. Por último temos mais um anime que lembra bastante Akane Iro ni Somaru Saka, mas não atingiu o mínimo em minha opinião para ser mediano,  falo de Mashiro-iro Symphony.

Vamos aos medianos de outono, começando por C³: Cube x Cursed x Curious, apesar do medo pelo nome que me lembra aquele lixo chamado C do primeiro semestre, foi um anime de garota irritante com passado traumático, com pegadas bem sinistras e ficou bacana, mas faltou aquele algo a mais pra poder chamar de Bom. Mirai Nikki, provavelmente sobre esta série muitos me questionarão, alguns a acharam muito boa e outros só a viram para rir do absurdo, mas a série tem uma ambientação e uma premissa muito bacana, além de personagens legais, mas ela se foca muito no personagem principal que é um merda… e é incrível que na hora que ele parece que vai mudar, logo depois ele volta a fazer um besteira e vem de novo a imagem de merda que ele construiu no primeiro episódio do anime. Garanto que se o foco no personagem principal fosse menor, o anime seria muito melhor e que final… melhor não comentar. E esse Chibi Devil! é bonitinho, engraçadinho, pequeno e bacana, mas eu não consigo dizer que é bom, pois ele não é pra mim, ele é muito mais para um público feminino que curti coisas bonitinhas, por isso eu diria que para mim ele ficou no meio,  não virou absurdo como Yodemasu Yo Azazel Chan e nem feminino demais como Smile PreCure! Finalmente falarei de Guilty Crown e direi apenas que é mediano, não foi além nem é ruim, apenas é mediano. E saindo do esquema de séries, sai no outono um OVA muito interessante para os fãs de Dragon Ball,  que é o ova Dragon Ball: Episode of Bardock, <agora vem spoilers> que mostra o pai alienígena do Goku, voltando ao passado, enfrentando um ancestral do freeza e cronologicamente se tornando o primeiro super sayajin que dar origem a lenda que o Freeza conhecia, é mais do mesmo com um final muito bom, porém é um anime que só vai além no fim, no resto é um episódio normal de DBZ sem luta impactante, como qualquer briga do Vegeeta contra um serviçal do Freeza que fala mais que duas palavras, ou seja é mediano demais… porque não um OVA da época do Goku pequeno que é a melhor era de Dragon Ball? Porque?

Apesar de não ser um período tão impressionando, tem um considerável número de séries que são minimamente boas, e entre as série boas, mas que não chegaram a ser muito boas, temos Bakuman 2, que é uma continuação direta da primeira temporada e que vale a visita para quem gosta da série, mas diferente da primeira temporada, há arcos neste anime que ficaram muito forçados ou chatos mesmo. Os personagens secundários passaram a ser ainda mais bem desenvolvidos enquanto os principais… tem hora que dar vontade de jogar pela janela, mesmo assim a série conseguiu ter qualidade. Persona 4 The Animation surgiu como a possibilidade de haver um desenho digno de Persona, ao menos para os fãs do jogo. Eu particularmente gosto de Persona Trinity Soul, mas a grande maioria dos fãs da franquia de jogos odiou e/ou execrou e tendo isso em vista os produtores do anime fizeram de Persona 4 uma cópia fiel do jogo, mas tão fiel que até menu do jogo tem na animação. Por isso talvez a série me pareceu meio limitada, mas o roteiro é impressionantemente bom, sendo assim gostei da série, não o bastante para chamar de muito bom, mas boa ela é. E sobre Kidou Senshi Gundam AGE, não tenho tanto a falar, pois não fui muito além na série, mas admito que ela surpreendeu ao superar as espectativas de que fosse um Gundam muito infantil, para se tornar sem dúvida uma série Gundam tão bacana quanto outras e ainda melhor que algumas séries da franquia, por exemplo  o odiado G Gundam, sendo assim merece ser visitada, pois foi um bom anime.

Chegando a parte em que eu mais me animo e que a Haruhi mais me pertuba, vamos aos animes muito bons do outono, começando por Working’!!, que é a continuação de uma das comédias leves mais bacanas dos últimos tempos e essa temporada não perde em nada para a primeira, por isso é um anime muito bom. Começando a mudar a perspectiva de desenho de grupo de garotas colegiais, temos Kimi to Boku que é uma série leve sobre um grupo de garotos colegias que é muito para o público feminino, porém isso não muda o fato de que é um anime muito bom, com uma arte muito boa e com belas sacadas de comédia. Boku wa Tomodachi ga Sukunai é um anime colegial como poucos, com um roteiro bacana, com uma mensagem bacana, com personagens bacanas, que não cai na galhofa e que cumpre o objetivo, sim eles são muito parecidos com o nosso SOS DAN, mas que anime de colegial hoje não tenta ser, então eles por conseguirem ir além, nos encantou e por isso é um anime muito bom.  Sobre Shakugan no Shana Final não falarei muito, simplesmente para alguém que gosta de Shakugan no Shana como eu e o administrador do blog, é um anime sensacional, mas como aceitamos que não é “o  Anime”, decidi colocar aqui junto com os muito bons.  Já Ben-Tou é um anime que é estranho, mas que consegue empolgar, mas empolgar mesmo, tem várias falhas, um certo ecchi desnecessário, mas no final das contas é muito bom sim, longe de ser a melhor coisa do mundo, mas ainda é bem recomendado. Por último entre os muito bons tivemos a continuação de Carnival Phantasm, Carnival Phantasm: Ex Season, que é tão louco e divertido quanto o primeiro e que as vezes consegue ser tão absurdo quanto algumas das comédias mais consagradas que já existiram, como  Seto no Hanayome, por isso é sem dúvida muito bom.

Dessa vez tem dois animes que reservo ao nível superior, o nível do sensacional, o que é incrível para uma temporada que a priore foi fraca. Primeiro temos Fate/Zero, com as melhores lutas dos últimos anos, uma das melhores tramas da última década, alguns dos melhores personagens de todos os tempos e com um trilha muito, mas muito boa. Sem dúvida superior a Fate Stay Night. E Chihayafuru, basicamente se não tem como um ser lúcido discordar que Usagi Drop é muito bom,  esse mesmo cara vai babar também por Chihaya, que anime bonito, que sacada bem feita, e que roteiro incrível, não é o melhor do ano, mas é um dos melhores dos últimos tempos.

Por fim o tão aguardado top 5 do segundo semestre do ano. Fiquem com a lista e até maio na análise da temporada de inverno.

5º Lugar – Mawaru Penguim Drum

4º lugar – Shakugan no Shana Final

3º lugar – Fate/Zero

2º lugar – Chihayafuru

1º lugar – Usagi Drop

Comentários em: "Animes em 2011: As opiniões sobre o que saiu na temporada de outono" (1)

  1. diego disse:

    gostei muito de seu comentário, e como voce consegue focar bem os ponte relevantes de cada anime.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: