O ogro azul dos fãs de anime e mangá…


Continuando a análise sobre o mercado nacional de Home Vídeo, neste texto falarei sobre como a importação de home vídeo e os serviços de stream afetam o mercado. É importante destacar que existem dois motivos diferentes para se obter um home vídeo, seja através de compra ou de aluguel, o primeiro é para simplesmente assistir e conhecer aquela obra, o segundo é para coleção. Importação de material é algo destinado exclusivamente a colecionados, que em geral querem não apenas ver a obra si, mas também extras, enquanto que o serviço via streaming oferece  a opção de assistir o material principal do home vídeo (um filme, os episódios de uma série e etc.) e, quase sempre,  nada de extras.

Home vídeos importados

Box Estadunidense do anime Steins;Gate – contém BluRay + DVD

Existem diversos motivos que levam um colecionador a comprar uma versão importada de um Home Vídeo, a principal é a falta deste mesmo material no mercado nacional que em se tratando de anime, como já foi apresentado no primeiro texto desta análise, possui um leque de opções muito pequeno se comparado ao mercado Norte Americano, Europeu e, principalmente, Asiático. Além disso, alguns materiais internacionais, se comparados a versão nacional dos mesmos, são superiores em qualidade, e muitas vezes possui um leque de extras muito maior que a versão nacional. Por último, é importante destacar que existem materiais não licenciados no país que possuem legendas  em nosso idioma e as vezes até dublagem.

Ainda existem alguns casos em que é mais barato importar o material do que comprar a versão nacional, mesmo assim, importar home vídeo é uma opção cara e destinada majoritariamente a colecionadores, que desembolsam este valor elevado para conseguir o tão desejado produto. Outro ponto interessante é que muitos colecionadores gostam de possuir um material com maior quantidade de idiomas dublados e legendados possível e quase sempre os materiais nacionais oferecem apenas dois ou três idiomas, normalmente japonês, inglês e português.

Serviços de stream

Lista de animes oferecidos em setembro de 2012 pela versão brasileira do Netflix

Uma opção que surgiu nos últimos anos e que ganhou uma força descomunal que em alguns países fez com que ultrapassasse a compra de home vídeo, foram os serviços de stream. Streaming, ou fluxo de mídia, é uma maneira de distribuir informação via pacote e é usado principalmente para serviços que distribuem vídeo pela internet como Youtube, Vimeo e outros. Claro que muitos deses sites possuem material não licenciado, mas nos últimos anos serviços específicos para distribuição legalizada de filmes, séries e animações vem crescendo, dentre eles o Netflix é uma das opções mais famosas no Brasil, no entanto quando se pensa em animes, os dois principais serviços são o Crunchyroll e o Funimation, o último exclusivo para o mercado estadunidense. Recentemente, os fãs de anime foram surpreendidos com a notícia da vinda do Crunchyroll para o mercado nacional, que supostamente deve acontecer em outubro de 2012. Além disso, tudo começou com o serviço de vídeo on demand, oferecido principalmente pelas operadoras de tv paga, onde é possível comprar um filme e assisti-lo em sua casa, sem a necessidade de ir a uma loja ou uma locadora. Um site importante que apresenta o serviço de Vídeo on Demand no Brasil é NetMovies.

Não vou aqui discutir com mais detalhes o que proporciona a alternativa do serviço de streaming, para tal, escrevi um texto a algum tempo na coluna “A resposta é 42”  chamado A resposta é 42: A alternativa Stream. Vou me deter então a falar algumas informações interessantes sobre tal serviço que obtive através de pesquisa na internet e como o serviço afeta o mercado de Home Vídeo. Primeiramente gostaria de citar o texto Pirataria é necessidade ou falta de opção? do site gps.pezquiza.com que apresenta dados de um estudo que mostra como os serviços de streaming  nos Estados Unidos superaram a taxa de downloads piratas, enquanto que na Espanha, onde o número de serviços de stream e a qualidade dos mesmos é bem inferior a dos Estados unidos, a pirataria se mostrou muito superior a esta opção. Por fim o estudo conclui que se houvesse tanta variedade com excelentes opções de conteúdo para assistir legalmente online como ocorre no mercado americano, em que o consumidor pudesse até mesmo ter acesso a filmes recém saídos dos cinemas, como oferece o Itunes americano, a situação de conteúdo legal contra pirataria na Espanha e países com mercado semelhantes se igualaria à situação dos Estados Unidos.

Kuroko no Basket no Chunchyroll legendado em português (Brasil)

O serviço do Crunchyroll oferece uma variedade extremamente grande de animes que supera em muito o mercado de Home Video nacional e parte do mercado internacional, além disso, as séries são oferecidas em alta qualidade e é possível ver materiais totalmente gratuitos,  embora muitos materiais necessitem de cadastro prévio. O Crunchyroll acrescenta semanalmente episódios de séries que estão sendo exibidas na tv japonesa, tendo a diferença de algumas horas em relação a exibição no Japão. Atualmente o site já conta com legendas em português (brasileiro) na série Kuroko no Basket que foi encerrada recentemente no Japão. Fala-se de uma possível parceria entre o site e tradutores de fansubs nacionais para a distribuição deste material no Brasil, porém nada foi confirmado. Importante citar que os serviços brasileiros atuais de streaming, além de apresentar bibliotecas pequenas de anime, muitas vezes não tem qualidade e em alguns casos não oferece sequer o áudio original da obra, por exemplo o anime Kekkaishi, disponível no Netflix, apenas possui áudio em inglês com legenda em português. Claro que existem casos em que é interessante sim assistir animes nos serviços disponíveis atualmente, principalmente quando há materiais dublados em nosso idioma, por exemplo vi por completo a série Cinderella Boy (Efeito Cinderela) dublada em português no Netflix e recomendo a todos que façam o mesmo.

Para quem não utiliza home videos para coleção, como por exemplo pessoas que locam filmes e séries e para pessoas que compram home vídeo, mas que assistem também materiais que não coleciona, o streaming é uma alternativa mais que viável, afinal por um custo relativamente baixo (normalmente inferior a 20 reais mensais) é possível se ter uma gama de materiais imensa. Além disso, a vinda de um serviço como o Crunchyroll pode dar um novo gás para o mercado nacional de animes e por um lado atiçar o interesse de distribuidoras em licenciar e lançar materiais em home vídeo para colecionadores (o que prevê uma maior qualidade no material), além de bonecos e outros produtos oficiais relacionados.

Análise dos pontos tratados nesta postagem

Uma pequena análise do que foi apresentado neste post indica que o mercado de materiais importados é muito mais atraente para o colecionador brasileiro de home vídeo, tanto por oferecer mais materiais, quanto por oferecer produtos de melhor qualidade, além disso, percebe-se que para os não colecionadores seria muito mais interessante contratar um serviço de streaming caso um serviço de qualidade fosse criado para o mercado nacional. E falando dos colecionadores, tanto o serviço de streaming quanto a importação são alternativas viáveis e que alguns já utilizam, mas pela falta de um serviço nacional, o número de pessoas que utilizam streaming para ver anime é ainda pequeno. Fora isso nota-se que a vinda de um serviço de streaming de qualidade e com grande variedade para o país pode gerar inclusive uma mudança positiva no mercado nacional de Home Vídeo.

Com isso dito, termino mais este texto e me preparo para logo lançar o texto final com a análise geral do mercado nacional de home vídeo de anime e com sugestões de melhorias para o mesmo. Até mais!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: