O ogro azul dos fãs de anime e mangá…


Dando continuidade aos textos de considerações finais, hoje é dia de falar de um anime que não tive lá muito prazer em vê, mas como não havia cumprido a meta da coluna Hora de Aventura 3, tive de vê-lo. Então vamos as considerações de…

La Storia della Arcana Famiglia

Enrolando até o fim...

Enrolando até o fim…

Para quem nunca assistiu La Storia della Arcana Famiglia, indico que leiam a resenha do Erick Dias para o Animecote.

Título:La Storia della Arcana Famiglia
Obra Original: Otome Game para PSP
Gêneros: Drama, Romance, Comédia, Máfia, Poderes Sobrenaturais
Número de episódios: 12
Ano de Lançamento: 2012
Produtora: J.C. STAFF
Diretor: Kon Chiaki

A história se passa em uma pequena ilha do Mediterrâneo que é protegida por uma família de mafiosos, chamada Família Arcana. Alguns membros desse grupo possuem habilidades especiais ligadas a cartas misteriosas, chamadas cartas Arcana. Em meio a esses mafiosos se destacam como protagonistas três jovens: Felicita, a filha do líder da Família Arcana e que possui a carta do coração (e outra que é descoberta depois), Nova, o primo de Felicita e líder do grupo de seguranças da ilha, que  tem  um design meio oriental e possui a carta da morte, e por fim, Liberta, um órfão que foi resgatado por um dos membros da família Arcana após libertar (por mais que pareça, eu não estou querendo fazer um trocadilho infame) seu poder Arcana e queimar o local onde morava, ele possui a carta do Pierrot. Além destes, há outros personagens de destaque e alguns deles são citados ao longo deste texto. A trama em si começa quando o líder da família Arcana, o pai de Felicita, decide promover um torneio, chamado Arcana Duelo, que irá definir quem será o próximo líder da família e  o vencedor ainda ganhará a  mão de Felicita em casamento (a não ser que ela própria ganhe) e terá um de seus desejos realizados, sendo que todos os membros que possuem algum poder associado a uma carta Arcana podem participar. Ao longo do anime vamos conhecendo o dia a dia e o passado dos personagens importantes para a trama e o tal do Arcana Duelo ocorre apenas durante parte do penúltimo episódio.

Com relação a arte dos personagens, de fato é bem agradável, mas por ser uma obra baseada em um Otome Game, me incomoda um pouco a escassez de membros do núcleo feminino. Os cenários não impressionam, mas são muito bem construídos e aproveitados. Se por um lado a arte é boa, por outro a animação tem médios e baixos momentos, muitas das poucas cenas de ação são fracamente animadas, embora haja alguns momentos de luta que a animação até se sobressai, porém, no geral, a animação não incomoda tanto, mas não ajuda muito. A dublagem da grande maioria dos personagens me agrada, apenas me incomoda um pouco a voz do personagem Jolly, que tenta passar um ar misterioso e o personagem até age de maneira meio misteriosa, mas não acho que a voz encaixa tão bem com o character design deste personagem. Por fim, mal lembro da trilha sonora, não que seja tão ruim assim, apenas não se destaca em momento algum e nem mesmo a abertura ou encerramento chegam a empolgar, por sinal, o vídeo de encerramento é tão genérico que eu simplesmente o pulava ou ignorava.

O anime tem todo um clima de Otome Game e vemos a trama principalmente pela visão de Felicita, mas a obra não chega a forçar a barra nos romances, o grande problema porém é que o anime cria uma expectativa ao início de que será uma trama com cenas de ação, que o torneio supracitado será super importante, que o lado obscuro dos tais poderes Arcana seriam bem explorados e dariam o grande ar de mistério a uma parte da trama, mas no final, boa parte do anime não passa de um slice of life, perdendo-se muito tempo com a explicação do passado de quase todos os personagens, isso quando não há alguma tarefa pequena a ser feita por um ou outro membro da família Arcana que de um modo ou de outro vai ter ajuda de Felicita, Liberta e/ou Nova. O mistério ao redor das cartas arcanas apenas é mais explorado no final da série quando se fala da história do líder da família e do passado de Felicita, mesmo que em quase todo episódio um ou outro personagem use sua habilidade para resolver algum problema menor. As poucas lutas são sempre rapidamente resolvidas ou deixadas de lado e quase sempre são sem graça. Por fim, embora não seja foco do anime, o lado de romance não chega a ser totalmente ruim, no entanto não leva a nada, ou melhor, o tempo todo, tudo se encaminha para um gigantesca Friend Zone.

O anime deixa a impressão de que tudo aquilo que foi feito pelos personagens antes ou que será feito no futuro, após essa trama, é mais empolgante, sendo contada uma das partes menos interessante da vida destes, o que não faz lá muito sentido. Para não dizer que o anime é totalmente desagradável, pois de fato não é, a trama envolvendo Felicita e seu pai que ocorre quase no fim da série até que é interessante. No mais, fora a própria Felicita, não senti empatia por nenhuma outro personagem, achei boa parte dos diálogos chatos e o lado de comédia não me agradou em nada. Falando em personagens e em cenas forçadas, achei o trio formado por Luca, o capacho da Felicita, Pace, o bobão glutão super forte, e Debito, o pseudo bad boy garanhão, irritante quase toda vez que apareciam na tela depois da meade do anime, pois a aparição deles juntos, quase sempre termina em uma situação que tenta ser cômica, mas que não tem graça alguma. Enfim, está claro que o anime não me agradou, há obras bem piores e outras muito melhores e em geral eu não consigo pensar à quem indicaria a série, mas se você gosta de obras baseadas em Otome Games, talvez possa lhe agradar um pouco, embora acho que o anime não é competente nem como uma adaptação animada de um jogo de relacionamento para garotas. E se mesmo assim, você ainda quiser ver o anime, pelo menos não faça maratona,  pois posso garantir que isso é uma experiência extremamente maçante.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: