O ogro azul dos fãs de anime e mangá…

Posts marcados ‘Defense Devil’

Defense Devil, de Youn In-Wan e Yang Kyung-Il – Resenha

Olá galerinha, sou o ALM e bem vindos a mais uma resenha. Hoje falarei de um dos recentes lançamentos da Panini, Defense Devil!

Defense Devil

História

Kucabara é um demônio que foi exilado do mundo dos demônios (Makai) por ser  “bonzinho” demais. E para retornar ao Makai, Kucabara precisa pegar Dark Matter suficiente, para isso Kucabara resolve se tornar um advogado, resolvendo casos das pessoas que são condenadas ao inferno injustamente (Por isso o nome Defense Devil, dã).

E para resolver os casos dos humanos condenados injustamente, Kucabara tem que enfrentar demônios, achar provas da inocência de seu cliente, entre outros.

Análise

Gosto bastante de mangás envolvendo demônios, shinigamis, e coisas do tipo, e gostei também de Defense Devil. A história de Kucabara ser um demônio advogado me agradou um bocado, o desenvolvimento da história também é criativo e explicarei porquê.

Na leitura do primeiro volume, é possível perceber que a história tinha tudo para se tornar repetitiva, isso porquê Kucabara é um “advogado”, e chegaria uma hora que só ver ele resolvendo casos e lutando com demônios ficaria chato, MAS…Temos a introdução de personagens muito carismáticos no decorrer da trama, que trazem novos rumos que o mangá pode seguir sem mudar o foco. Apesar disso algumas partes da história são previsíveis, por exemplo, como ficará a relação de Kucabara com a exorcista Idamaria.

Outro aspecto que vi outras resenhas dizerem que é o ponto forte do mangá é a arte, e eu concordo, ela é demais, os personagens, os cenários, as lutas, tudo é bem feito. Mas se uma coisa não me agradou (Não me agrada em nenhum mangá, aliás) é o ecchi, que no geral só serve para encher linguiça (E tem até uma personagem que só serve para criar cenas desse tipo, mas creio que ela terá influencia na história mais a diante), no  entanto, se você gosta de ecchi, bom para você.

Como já citei, as lutas são bem feitas, porém no geral não me agradaram, não por serem ruins ou coisas do tipo, mas por eu achar mais interessante as investigações dos casos, e as lutas não precisavam ser tão frequentes, mas é um shonen, fazer o quê. As investigações dos casos são ok, é algo do tipo que você ver a conclusão e pense “Puxa, bem bolado” e não algo genial.

E depois de pesquisar um pouco sobre o mangá, vi que ele foi cancelado no décimo volume, infelizmente. Isso pode significar que o mangá teve um final ruim, ou perdeu a qualidade lá pelos últimos volumes, por ter acabado antes dos autores quererem. Mas vai que o final é bom? Vou ficar na torcida.

Quanto ao material, ele está no padrão da Panini, capas internas coloridas, com um papel pior que o padrão da JBC (Se bem que os mangás da JBC são mais caros.). Aproveito agora para sugerir à JBC que aprenda com a Panini e ponha capas internas coloridas em todos (Ou quase todos) os mangás, que é uma coisa que agrada qualquer leitor.

cats

Eu recomendo Defense Devil se você gostar de história com demônios, shinigamis e coisas do tipo, mas se você não gosta, recomendo mesmo assim, no entanto em meio a tantos títulos de qualidade no mercado Brasileiro atualmente, fica difícil escolher. De qualquer forma, Defense Devil é um bom título, com uma boa arte, talvez não esteja entre os melhores lançamentos, mas eu gostei um bocado.

Ah! E a partir dessa resenha darei notas aos mangás!

Defense Devil – Nota: 8.6

Isso é tudo pessoal, até a próxima!

Conhecendo o Mercado Nacional de Mangás – Formulário de Junho de 2014

Outro grupo tapeado pelo Incubator!

Outro grupo tapeado pelo Incubator!

Está online o  formulário de junho do projeto Conhecendo o Mercado Nacional de Mangás.

Aos que já conhecem o projeto, peço mais uma vez seu apoio e sua disposição, mas aos que não conhecem, o mesmo trata-se de uma iniciativa do Anime Portfolio em parceria com os blogs AnimeCote Only good animesMangatom,Netoin!Otaku Inside e Naty in Wonderland e Ecchi Must Die que visa fornecer dados numéricos para que nós blogueiros e os demais fãs brasileiros de mangá possamos ter uma melhor noção de como anda o mercado nacional.

O formulário atual corresponde aos títulos que as editoras informaram no checklist do mês de junho. O mesmo ficará no ar até o dia 15 de julho e pode ser acessado clicando aqui ou na imagem de divulgação do projeto no menu lateral do blog.

Convido mais uma vez os demais blogueiros, podcasters, videocasters ou donos de sites especializados em mangá, a apoiar o projeto, para isso enviem um e-mail a conhecendoomercadodemangas@gmail.com informando seu interesse. E para quem não tem site, blog, podcast ou videocast, mas quer nos ajudar, peço que retwittem o formulário e que divulguem no facebook, ou no google+, ou em qualquer outra rede social.

Troquei de computador no fim do mês passado e meu backup da base de dados não funcionou, por isso tive de recriá-la e ainda estou a povoando. Não vou prometer o post com informações dos últimos formulário para logo, pois o mês está meio cheio pra mim, mas assim que der o post estará no ar. Desculpem-me pela demora!

Sobre o formulário de maio,  tivemos uma melhora grande no número de resultados, acredito que devido ao novo apoio do blog Ecchi Must Die que divulgou o formulário do último mês. Esse mês a pergunta extra é Qual dos mangás lançados no país você gostaria que fosse relançado (em tankobon, mas sem formato de luxo)? Aguardo ansioso as respostas!

Não deixem de curtir a página do facebook do projeto, acessem-na clicando aqui. Lá vocês poderão se informar sobre as as novidades do projeto assim que elas surgirem, além de poder ler outras informações sobre o mercado nacional de mangá.

Enfim, antes de comentar o checklist do mês, reitero o pedido para que todos que puderem e que estiverem interessado nesses resultados: Divulguem o projeto para o máximo de pessoas conhecidas que gostam de mangá e que costumam colecionar algum mangá lançado no mercado nacional!

UM POUCO SOBRE O CHECKLIST DE JUNHO

Imagino quanta gente está com mimimi em relação a este título.

Imagino quanta gente está com mimimi em relação a este título.

Neste mês temos 34 títulos no formulário, sendo 2 da editora NewPOP, 1 da Astral Comics17 da editora Panini e 14 da editora JBC.

A NewPOP trará 3 lançamentos o mês, segundo sua página no facebook, porém só confirmou  2 até o momento, Puella Magi Oreko Magica, um spin off de Madoka Magica com outras personagens, e Loveless, um mangá yaoi consideravelmente famoso.

Astral Comics é um selo da editora Alto Astral que visa a publicação de quadrinhos e seu acervo atual conta com a publicação do mangá francês Ômega Complex, que este mês tem seu terceiro volume lançado.

A Panini tem o maior número de mangás lançados no mês, dentre eles, dois laçamentos, O Maestro, The Conductor e Defense Devil, ambas obras pouco conhecidas por aqui e já encerradas no Japão. Também está de volta Blood Lad, que havia parado por alcançar a última edição lançada no Japão.

Por último, a JBC traz apenas uma estréia no mês, contestada por alguns pelo título nacional do mangá, trata-se Lúcifer e o Martelo, um seinen de comédia e aventura. Esse mês também chega ao final Rayearth.

Enfim, é isto! Não deixem de responder o formulário e até o próximo mês!