O ogro azul dos fãs de anime e mangá…

Posts marcados ‘Takehiko Inoue’

Kyon News (06/01/2015)

Premissa de 2015 nº2: Fanservice Sem Prescedentes

Premissa de 2015 nº 2: Fanservice Sem Precedentes

Olá! Aqui é o Administrador do blog e essa é mais uma edição do Kyon News. Estava preparando um material novo para esta coluna e por isso não pude auxiliar o Kyon a lançá-la na madrugada, mesmo assim acho que deve valer a pena essa demora, ao menos para alguns. Numa iniciativa para tentar ajudar alguns órfãos do famoso site AnimeBlade, que já há algum tempo não apresenta a lista de lançamentos das legendas dos animes feitas pelos fansubbers brasileiros, reuni uma lista com mais de 50 fansubs em meu leitor de feed pessoal para poder relatar diariamente a vocês os lançamentos dos mesmos, porém como sou alguém que defende a busca por meios legais de ver animes em português, caso existam,  também divulgarei os lançamentos do Crunchyroll, que ainda é o único site oficial de streaming no Brasil a disponibilizar animes lançados nas temporadas mais atuais a medida que eles são exibidos. Hoje temos também 2 novidades de mangá e 4 trailers. Sem mais delongas, vamos as notícias…

(mais…)

Curtas da Semana #42 – Spin off de Gurren Lagann, Takehiko Inoue e Animes no Annie Awards 2014

Essa semana selecionei poucos curtas, pois de fato não teve tantas notícias internacionais que me pareceram interessantes para o Kyon comentar e vou esperar mais uma ou duas semanas para comentar em uma edição nacional dos lançamentos de mangás das editoras nacionais confirmados para 2014. Hoje o Kyon comentará sobre um novo mangá de Gurren Lagann, sobre a nomeação de Takehiko Inoue como Embaixador da Boa Vontade entre Japão e Espanha e sobre os animes que estão concorrendo ao Annie Awards. Então vamos aos curtas.

Personagens de Tengen Toppa Gurren Lagann jogando Beisebol

Otoko Daohou Hen!

Otoko Daohou Hen!

Em 28 de dezembro estreia na revista Monthly Hero o novo mangá spin off baseado Tengen Toppa Gurren Lagann que se chamará Tengen Toppa Gurren Lagann: Otoko Daohou Hen! (TTGL: Sagada do homem totalmente idiota) A série é baseada em um dos áudio dramas  que saíram junto ao DVD do anime. Tal com em outros spin offs da franquia, a obra terá como cenário principal a Academia Dai-Gurren e dessa vez Kamina, Simon e cia irão compor um time de beisebol colegial.

Gurren Lagann até hoje é uma franquia com muita popularidade, após o anime, que é considerado por muitos, inclusive por mim e pelo administrador desse blog, um dos melhores animes do ano de 2007, os personagens da franquia vem reaparecendo em várias outras histórias, vale lembrar que em maio desse ano teve fim a publicação do mangá baseado na obra original. Não sei se esse novo mangá vai ser tão interessante, mas acho que esporte e a brigada Dai-Gurren combinam bastante e se essa obra tiver um pouco do clima dos curtas das duas edições de Tengen Toppa Gurren Lagann Parallel Works é certeza que algo bom virá desse mangá. Será que a fonte Gurren Lagann vai secar logo, ou será que outras obras como essa ainda devem aparecer no futuro?

Takehiko Inoue é nomeado Embaixador da Boa Vontade entre Japão e Espanha

Arigatou!

Arigatou

O Ministério das Relações Exteriores do Japão nomeou o mangaka Takehiko Inoue, autor de Slam Dunk, Vagabond e Real, o Embaixador da Boa Vontade entre Japão e Espanha para promover as comemorações do aniversário de 400 anos das relações exteriores entre os países. Inoue será embaixador até julho de 2014 e em abril do mesmo ano será feita uma exposição em homenagem ao arquiteto Antonie Gaudí e a Inoue na cidade de Barcelona. Inoue publicou anteriormente uma obra em quadrinhos chamada Pepita: Takehiko Inoue Meets Gaudí que é inspirado nos momentos que viveu durante sua viagem a região da Cataluña e conta também seu olhar sobre a obra do arquiteto Antoni Gaudí.

Não chega a ser tão incomum certos mangakas representarem o Japão em eventos internacionais, mas é sempre interessante ver o reconhecimento que artistas como Inoue recebem por tudo que representa para o mangá, que é sem dúvida um dos patrimônios culturais do Japão, lembrando que animes e mangás são considerados os produtos culturais exportados de terras nipônicas que mais recebem aceitação positiva fora da terra do sol nascente*. Espero que o Inoue seja um bom embaixador e que essa experiência lhe dê ideias para criar novos mangás tão bons quanto os que ele já tem em seu currículo, mas só depois que ele terminar Vagabond e Real.

Animes no Annie Awards 2014

41-annual-headerEm 1 de fevereiro de 2014 serão entregue os prêmios aos vencedores da 41ª edição dos Annie Awards, uma premiação anual promovida pela ASIFA (Associação Internacional de Filmes Animados) que tende sempre a ter certas animações japonesas entre seus finalistas e dessa vez não foi diferente. Esse ano o anime campeão de indicações é o filme Kaze Tachinu, a última produção de Hayao Miyazaki para o Studio Ghibli, que também está concorrendo aos Prêmios Audiovisuais de Pacífico Asiático e ao Globo de Ouro, além de ser um dos pré indicados ao Oscar de melhor animação . O filme Momo e no Tegami de Hiroyuki Yukiura, que foi produzido pela Production I.G., também está concorrendo na categoria principal.

É sempre bom ver filmes de anime concorrendo a esses prêmios, pois, por menor que seja, isso ajuda a promover as animações japonesas internacionalmente e a melhorar a imagem dessas em relação ao grande público, fora que ajuda também a promover animações que não são destinadas apenas ao público infantil. Abaixo informo as categorias em que cada anime está concorrendo, mas antes vale destacar também que um dos homenageados desse ano que receberão um prêmio de honra pelo trabalho dedicado  a indústria de animação é nada menos que Katsuhiro Otomo, o criador de Akira.

Indicados a Melhor Animação:

  • Momo e no Tegami
  • Meu Malvado Favorito 2
  • Ernest & Celestiné
  • Frozen
  • Universidade dos Monstros
  • Os Croods
  • Kaze Tachinu

Indicados a melhor roteirista de filme animado:

  • Daniel Pennac – Ernest & Celestine
  • Daniel Gerson, Robert L. Baird, Dan Scanlon – Universidade dos Monstros
  • Hayao Miyazaki 
- Kaze Tachinu
  • Jennifer Lee – Frozen

Indicados a melhor animação de personagens de filme de animação:

  • Thom Roberts – Reino Escondido
  • Jonathan Del Val – Meu Malvado Favorito 2
  • Jakob Jensen – Os Croods
  • John Chun Chiu Lee – Universidade dos Monstros
  • Kitaro Kosaka – Kaze Tachinu
  • Tony Smeed – Frozen
  • Patrick Imbert – Ernest & Celestine

As demais categorias e indicados podem ser vistos clicando aqui. Vale ressaltar que A lenda de Korra: O Livro dos Espíritos, que é co-produzido pelo Studio Pierrot, também está concorrendo em muitas das categorias destinadas a séries de tv para crianças.

Por ora é só! Semana que vem estou de volta ou quem sabe antes. Até Mais!

Notas rápidas do Administrador Carismático desse Blog

*Terra do Sol Nascente – por curiosidade, a palavra “Nihon”, que seria o termo japonês equivalente a “Japão”, é formado pelos kanjis “日” (Ni, que significa Sol) e “本” (Hon, que significa origem), por isso o Japão tem essa alcunha.

Este é meu TOP 5 de… Mangakas Preferidos

Provavelmente esse será um dos tops mais contestados, mas vale lembrar que é meu top pessoal, por isso seria interessante quem pensa diferente por seu top nos comentários, junto a suas justificativas se possível, isso seria até interessante para que os leitores conhecessem outros autores, pois de fato minha lista só contém figurinhas carimbadas e provavelmente já esperadas pelos leitores.

Antes de mais nada, esse texto não está sendo publicado novamente na terça, como deveria, pois devido a problemas na minha internet não pude gravar o podcast da semana, dessa forma nada de Yopinando Shinbun hoje… Sem mais delongas, hora de criar desavenças, ou quase isso…

5º Lugar

Kentaro Miura

Kentaro Miura

Kentaro Miura

Obras publicadas: Miuranger, Ken e no Michi, Futanabi, Noa, Berserk Prototype, King of Wolves, Berserk,  Gigantomachia, Ouron Den e Japan

O primeiro desse top é um dos meus artistas preferidos, embora só tenha lido Berserk, sua obra mais famosa. A habilidade dele em construir cenários e monstros é incrível, além de desenhar muito bem os personagens principais de sua obra e  criar cenas de ação inigualáveis. Claro que gosto muito do Miura roteirista, mas sem dúvida é como desenhista que ele mais se destaca. O grande problema é que passado tantos anos de carreira, ele parece ter decidido de vez não ligar mais tanto para a expectativa de seus fãs em ver a continuação de sua obra prima e, assim sendo, a publica em intervalos irregulares e longínquos, por vezes se dedicando a outros trabalhos , como o fará em 2014, mesmo assim não havia como não mencioná-lo nesse top.

4º lugar

Takehiko Inoue

Takehiko Inoue

Takehiko Inoue

Obras publicadas: Baby Face, Buzzer Beater, Chamelion Jail, Piercing, Real, Slam Dunk e Vagabond

Se  estivesse julgando arte ou carisma, o Inoue seria com certeza o primeiro da lista, mas como este não é o caso, infelizmente ele fica apenas em quarto, afinal, por mais que algumas das obras de Inoue sejam inigualáveis, li relativamente pouco da maioria delas e minha preferida não poderia ser outra senão Slam Dunk. Os roteiros do autor também são muito bons, porém nem tanto pela história em si, mas pela forma como ele constrói os personagens. Takehiko Inoue é sem dúvida um dos mais incríveis quadrinistas da atualidade!

3º Lugar

Eiichiro Oda

Eichiro Oda

Eiichiro Oda

Obras publicadas: One Piece e Wanted

E aqui começam as contestações… Todos que acompanham o blog sabem que One Piece é uma das minhas obras preferidas, principalmente o anime, então não deve ser uma surpresa tão grande o Oda está na minha lista. Não acho o Oda lá um grande desenhista, embora goste de seu traço, mas como roteirista é inegável que ele tem muitas qualidades, primeiro com relação a construção de seus personagens, fora que ele costuma não abandonar a maioria dos coadjuvantes, os utilizando em vários momentos marcantes de sua obra. Além disso, acho a Grand Line do mangá One Piece, uma das invenções mais incríveis da história dos mangás shounens, pois é simplesmente um lugar em que tudo (tudo mesmo) pode acontecer sem que explicações detalhadas sejam criadas, contanto que haja algum motivo divertido para aquilo ser do jeito que é. Sei que muitos podem não achar  o Oda esse grande mangaka, mas fazer o quê? Para mim, por toda a diversão que ele me proporcionou e que continua proporcionando é mais do que merecido ele está neste top.

2º lugar

Shimoku Kio

Se acharem uma foto boa do rosto dele por favor me enviem, por fiquem com as mãos e com um desenho de Shimoku Kio

Se acharem uma foto boa do rosto dele por favor me enviem, por enquanto fiquem com as mãos e com um desenho de Shimoku Kio

Obras publicadas: Genshiken, Genshiken Nidaime, Genshiken Return of The Otaku, Gonensei, Yonensei, Jigopuri, Kujibiki Unbalance e Spotted Flower

O que dizer de Shimoku Kio? Ele não é o desenhista mais incrível, nem o roteirista mais memorável que conheci, mas é o autor do meu mangá preferido, Genshiken. Eu gosto da arte dele, mas admito que não é a que mais me maravilha, porém seus personagens, sua forma peculiar de referenciar outras obras e principalmente a forma como descreve as situações do dia dia pela ótica otaku, são características que gosto muito nas obras do autor. Além disso, seu tipo de comédia me agrada bastante.

1º lugar

Naoki Urasawa

Naoki Urasawa

Naoki Urasawa

Obras publicadas: Beta!!, Yawara!, Pineapple Army, Dance Policeman, Master Keaton, NASA, Happy!, Monster, Jigoro, 20th Century Boys, 21st Century Boys, Pluto, Billy Bat, Mangari Michi e Master Keaton Remaster.

Por mais que goste de outros autores, nenhum supera Naoki Urasawa em obras que me deixam empolgado, além de ter uma arte única, que embora não seja a mais bela, é  uma das que melhor retratam personagens não japoneses e japoneses. Se por um lado Urasawa não é um desenhista brilhante, como roteirista é difícil pensar em alguém que o bata. Ele não só é um gênio em criar roteiros interessantes, como o faz sem seguir um padrão específico, mesmo que em Monster e 20th Century Boys, meus mangás preferidos deste autor, ele tenha uma narrativa similar, o mesmo se diferencia bastante em obras como Yawara! e Master Keaton. Fora que ele reviveu a lenda de Astro Boy em seu mangá Pluto e, que me desculpe o Deus dos Mangás, de forma mais sublime do que a obra original, embora tenhamos que convir que são obras bem diferentes em termos de profundidade e público alvo. Naoki Urasawa merece sem dúvida essa posição em meu top 5 de mangakas preferidos e dificilmente irá perdê-la nos próximos anos, quem sabe daqui a uma ou duas décadas?

Menções Honrosas

Osamu Tezuka, Akira Toriyama e Masakazu Katsura

Nenhuma lista de mangakas escrita por mim estaria completa se não citasse o Deus dos Mangás, que é um dos homens que mais me inspira e não só por ser um grande quadrinista e nem por tudo que representa para os mangás e animes, mas pela história de vida que possui. Que eu sou fanboy do Tezuka todo mundo deve saber, porém não tem como não admirá-lo ao conhecer sua história. Já Akira Toriyama é e sempre será o meu mangaka comediante preferido, fora que não só eu, como maioria dos que devem está lendo esse post, devem parte de seu infância ao criador de Dragon Ball. Por fim, se Takehiko Inoue é o melhor desenhista de mangás da atualidade em minha opinião, o segundo melhor é sem dúvida Masakazu Katsura.

Então é isso! Coloquem nos comentários o top de vocês e até o próximo post!